As cores da Auraterapia - Revista Inexplore

Atualizado: 1 de Jul de 2019


É difícil a sua definição, impalpável para a maioria das pessoas, esta terapia energética que denominamos, holística, harmoniza todos os corpos energéticos do individuo.


« O mundo invisivel é muito complexo para ser descrito através de palavras. Antes de tudo nos o sentimos. Na minha opiniao, é inteiramente impossivel dizer quantos corpos sutis nos temos e nem mesmo em que ordem eles estao. Sobretudo que eles acabam de um momento a outro se interpenetrando e se misturando.

Se cada terapeuta tem a sua propria definiçao e a sua interpretaçao quanto aos corpos sutis, baseados na sua experiência e de sua cultura, eles acabam praticamente em todo caso, todos concordando em torno da idéia de que é um corpo energético com as vibraçoes irradiando do interior para o exterior.

A Aura é assim definida como uma repercussao vibratoria de frequências das mais sutis as mais densas, emitidas pelos diferentes corpos ou camadas. « Os homens elaboraram muitos sistemas para definir o campo aurico. Todos dividem a Aura em camadas, identificando-as em funçao de sua localizaçao, sua cor, sua intensidade luminosa, a sua forma, sua densidade, sua fluidez e de seu papel » indica Barbara Ann Brennan, terapeuta e psicoterapeuta, que por sua parte identifica sete niveis, tendo como referência os chacras da medicina tradicional indiana.


A Aura a cores



Alguns dizem que sentem as Auras, outros dizem que podem vê-las, as vezes por meio das cores. E’ o caso de Veronique Duplan que ao se apresentar como terapeuta da Aura se recusa a se ver atribuida o poder de curar. Ela fala prontamente de auto-cura ou de um trabalho em conjunto, com a concordância daquele que veio consulta-la.

« Eu nasci com esta capacidade et até os meus 16 anos, eu pensei que todo mundo via a mesma coisa… Por exemplo, uma pessoa muito orgulhosa que quer se impor a uma outra pessoa, emana uma energia cuja cor vai se transformando numa tonalidade verde garrafa, principalmente ao nivel do coraçao e da cabeça. Para mim, dependendo da localizaçao das cores o significado é diferente » descreve Veronique.

Esta capacidade permite a Veronique de « materializar » o seu trabalho em forma de desenhos que sao feitos de face e dos dois lados da pessoa (veja o desenho) para poder fazer a sua analise e poder identificar de forma precisa os problemas e trata-los em seguida. Ela tambem tira fotos para poder acompanhar a evoluçao entre duas consultas espaçadas de no minimo 15 dias, tempo necessario para que a energia se fixe : « Eu trabalho com as maos, eu pego a energia, eu a reequilibrio, eu a reforço para que ela fique no lugar, eu trabalho com a inteligência propria do corpo, eu a costuro e faço-a circular. »


Estrutura energética do corpo


Para Barbara Ann Brennan, existe no nosso sistema de energia, lugares especificos, para as sensaçoes, as emoçoes, os pensamentos, as lembranças e experiências nao fisicas. «  A compreensao da relaçao entre nossos sintomas fisicos e sua localizaçao nos ajudara a avaliar a natureza dos diferentes transtôrnos de saude.

Porconseguinte, o estudo da aura pode construir uma ponte entre a medicina tradicional e a terapia holistica , explica Veronique Duplan. Desta forma a auraterapia permite reharmonizar energéticamente o corpo fisico, mental, emocional e espiritual.

E importante por Veronique Duplan, que o paciente aceite que seja tratada a sua problematica ou doença num primeiro tempo com a terapia da Aura e em caso de necessidade em conjunto com médicos (dentistas, medicos generalistas, psicologos, psiquiatras, ophtalmologistes etc.)


Um exemplo de leitura da Aura



De face – A forma da energia


Os contornos da energia : a forma de energia lembra montanhas russas (significa grandes variaçoes emocionais, mas nem sempre exprimidas

Energia montante na altura da cabeça (significa a necessidade de se evadir nos pensamentos) . Ela é larga apesar de sua forma acidentada, mostrando uma energia, uma força


O interior da Energia


Nos tornozelos, constatam-se « ferros » que « paralisam ». Significa que a pessoa é impedida de avançar. Uma perda de energia na panturrilha esquerda e uma outra no joelho direito, confirmam esta « paralisia ». Ela causa fortes tensoes interiores indicando que a curto ou longo prazo, a pessoa nao suportara mais nada !

Uma perda de energia ao nivel do chacra sagrado (o 2°) e memorias ancestrais provocam um certo esgotamento nervoso afinando com isso a densidade da energia.

« Ferros » sao também visiveis nos pulsos e indicam uma ou varias vidas de condenado. A pessoa e atendida para se desembaraçar deles.

Perdas de energia vibratoria sao visiveis no plexus solar ( os acidentes da vida se acumulam e fragilizam o plexus). A garganta neste exemplo é atingida ( a pessoa nao pode exprimir tudo o que tem a dizer). Estas perdas de energia que marcam o esgotamento fisico (as montanhas russas) e psiquico (os entraves nos tornozelos e nos pulsos), mostram o desânimo e a falta de coragem

O chacra coronario neste exemplo é dividido em duas partes ao invés de ser unico e subindo para cima. Ele é cinza poluido por pensamentos negativos que lhe dao um aspecto torturado.


As Cores


A direita e na parte inferior do corpo, ha um grande bloco de cor azul escuro , indica que a pessoa trabalha muito e passa todo o seu tempo no escritorio.

A cor vermelha montante à direita da cabeça, mostra existir uma grande força, a mesma cor a esquerda da cabeça, descendo pela parte emocional, indica que a pessoa tem uma boa capacidade de achar soluçoes.

A cor amarela no nivel da cabeça demonstra um cerebral e um mental fortes ; ela desce até a parte emocional a direita e mostra uma necessidade de controlar tudo. Nada é fruto do acaso nas tomadas de decisoes.

20 visualizações

© 2019 | Você mais digital 

Bonjour Energia !  Praticas Integrativas e Complementares a Saúde Humana LTDA